2.5.06

coçar até doer faz a coceira parar.

Picada de carapanã, curuba de catapora e casca de ferida logo dão aquela vontade irresistível de esfregar com as unhas. Hepatite, então, dá coceira no corpo todo. Qual é o melhor remédio para a coceira? Coçar, é claro. Não que coçando a toxina saia, a inflamação acabe ou a ferida feche. Muito pelo contrário. Coçando a gente acaba se machucando - e com a dor, acaba a coceira.
Por causa dessa "transformação" em dor, até pouco tempo atrás se acreditava que a coceira seria simplesmente uma forma fraca de dor.

A sensação de coceira começa com substâncias irritantes na pele, sendo que a mais famosa é a histamina - aquela conhecida dos alérgicos, que é liberada no sangue, causando o nariz vermelho, os olhos inchados e os espirros. Mas para sentir o que quer que seja, é preciso que alguma "antena" do corpo, um receptor dentro da pele, detecte o sinal e o envie para o cérebro através das fibras nervosas reunidas nos nervos. Embora muitos receptores sejam específicos, nem todos cuidam de um só tipo de sinal. E como tanto a dor quanto a coceira resultam de substâncias químicas derramadas pelo próprio corpo, a coceira poderia perfeitamente ser sinalizada pelos receptores da dor.

Definir se coceira é dor ou não parece preciosismo, mas é o que pode acabar com o desconforto de muitas pessoas. Enquanto uma picada do pobre carapanã é só um incômodo passageiro, às vezes a coceira pode ser não só crônica como também intratável, como na hepatite e outras doenças do fígado, dos rins, ou do sistema imunológico. E, ao contrário do que poderia se esperar se a coceira fosse uma forma fraca de dor, alguns remédios contra a dor - opióides, como a morfina - acabam provocando surtos incontroláveis de coceira. Entender a coceira, portanto, é uma maneira de combatê-la.

Um alemão aí diz que encontrou algumas fibras isoladas que respondiam não ao toque, nem à aplicação sobre a pele de óleo de mostarda, que causa dor ardente imediata, mas somente à histamina. E o que é melhor: só aparecia atividade nas fibras uns 20 segundos após a injeção, justamente quando começava a coceira. Por outro lado, fibras que respondiam ao óleo de mostarda não davam a mínima para a histamina. Isso indica que na pele há receptores separados para dor e coceira. Mas será que as duas sensações continuam em canais separados até o cérebro?

Se coceira e dor são duas coisas diferentes, por que os opióides dão coceira? Ao contrário da maioria dos neurônios, os "neurônios de coceira" encontrados na medula não têm atividade espontânea, o que quer dizer que não estando expostos a nenhum irritante, eles ficam em silêncio. Mas parece que esse silêncio não é por opção, e sim por imposição dos neurônios vizinhos, que sinalizam dor. Remédios que reprimem a atividade dos "neurônios de dor" acabam com essa inibição, "liberando" a atividade nos neurônios de coceira - e talvez seja assim que os opióides, que não são irritantes, terminem provocando coceira. (Por isso, ao contrário do senso comum, não é recomendado colocar anestésicos locais, como a xilocaína, para aplacar a ira das pintinhas de catapora dos vossos bacuris. Ao bloquear a dor, eles de tabela liberam a coceira, e o tiro acaba saindo pela culatra).

Se bloqueando a dor a coceira aparece, talvez desbloqueando a dor seja possível fazer a coceira parar sem arrancar a pele com as unhas. Desbloquear a dor não quer dizer causar dor, mas sim inibir os mecanismos internos - os opióides que o próprio corpo produz - que diminuem a dor. Esse novo tratamento já vem surtindo efeitos em doenças do fígado e dermatites, aquelas desagradáveis inflamações da pele. Mas se a coceira é realmente alucinante, uma alternativa é causar a dor, mesmo, passando óleo de mostarda ou até dando pequenos choques elétricos na pele (atenção, isso só deve ser feito por um médico!!!).

E se nada disso funcionar, resta o remédio mais aplicado pelas mães: dar beijinhos pra passar, e mudar de assunto. Não há curuba de catapora que resista a um bom videogame ou uma skol bem gelada...

by tuxina

---------

Eu sempre fui fã da METÁFORA e do EUFEMISMO.

Comments:
fico com coseira no corpo todo e nos seios
 
EU TAMBEEEM. NAO AGUENTO MAIS :/
 
aff
 
Putz
 
Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?